Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2009

MINHA ALMA

Imagem
MINHA ALMA
Hoje... Minha alma amanheceu emburrada Meus olhos não possuem brilho Lágrimas descerradas... O viço em minha pele desapareceu... A minha mente Não consegue concatenar pensamentos Meus neurônios parecem ensandecidos Desordenados e desobedientes Responde amiga: - É TPM ? Ou o que aconteceu? Não me deixe sozinha... Não vá embora... Sem você sou vazia Minha essência escafedeu. Não me diga que alma Sofre dos chiliques da menopausa? To ferrada! Já basta a carne Envelhecida de mim se desprendeu. Ela responde que está indignada! Cansada de partidas e chegadas De tantas estações tresloucadas Mudanças de clima e humor. Ela quer uma casa coerente Que segure as barras incondicionalmente Mantenha-me forte e resistente
Rebata as falácias sem temor Dos ataques inconseqüentes Que traz aflição, penúria e dor. Ela quer que eu cresça e amadureça
Possua coração, mas de cabeça feita
Pois só retornará lá do infinito Para compor novo dueto comigo Quando eu me dedicar mais Amor!

AUTOR: MARIA DE DEUS OLIVEIRA

EU QUERIA SER

Imagem
Hoje eu queria ser: chuva para arar a terra manhã de colheita tarde de primavera com aroma perfumado noite para excitar os amantes mar para invadir e salgar a terra rio para ocupar e adoçar o chão espantalho de qualquer maldição. Sentimentos bons para afastar o mal abelha sem ferrão pra não matar o zangão. Luz para clarear todas as trevas Só não possuir coração. Nem abutre, nem carniça Mas alimentar o solo para a refeição. Podia ser uma parte da natureza Tom nostálgico de beleza Cratera, pedra ou vulcão... Ser tudo, mas que fosse inanimado E sem posse de razão. Ninho que acolhe passarinhos Um sorriso aberto, contente Ser daqueles bichos, como o de seda Que não sofre com a dor alheia Nem a própria dor da gente! Beijos e saudades... Autor: Maria de Deus Oliveira

MINHA VIDA NUM REPENTE

Imagem
Autor: Maria de Deus Oliveira


Entrei de cabeça no mundo Quis correr atrás de tudo
Tinha pressa onde passava...
Cada vez eu percebia
Que as raízes que criava
Transformavam minha vida
Numa carga mais pesada.
Fui acumulando coisas
Quinquilharias ousadas
Mas aquilo não me provia
Não me valiam de nada
E todos os dias as perdia
Em minhas próprias passadas.
E aos pouco fui perdendo
Beleza, juventude e fé
Os complexos invadiam
O meu corpo de mulher.
Precisava mudar meu rumo
Meus anseios, meus caprichos
Pra ser feliz nesse mundo
É sábio desprover-se dos lixos.
E depois de tanto tempo
Vejo que simplesmente a vida
São emaranhados momentos
Que de repente se passa
Apenas tem uma ordem seguida
Que faz parte da jornada.
O que me resta enfim

COMO SANAR AS DORES DAS ALMAS

Imagem
Autor: Maria de Deus Oliveira

Por que será que as dores da alma nunca cicatrizam? São iguais a machucados das mãos e dos pés ou em outro qualquer lugar que nas idas e vindas do nosso dia-a-dia sempre acertamos em cheio, e dói, e remói e aflora ainda mais forte. Temos que ficar muito atentos para evitar um choque sobre uma ferida aberta na estrutura física para não piorar a infecção porque muitas vezes de tão machucados é preciso haver uma amputação para que sare definitivamente aquela parte afetada, senão provocará falência múltipla no corpo e são raros os casos de pedidos de eutanásia porque sempre existe aquela esperança de sobreviver com alegria e permanecer ao lado das pessoas queridas..
Traumas corporais, cirurgias etc., nós esquecemos a dor à medida que tempo passa. Quando relembramos sabemos como descrevê-la, causa até mal estar só de pensar, no entanto não vivenciamos a intensidade da dor, mas as da alma é bem diferente, ela se acentua cada vez mais forte, violenta cada vez mais…

O IMPORTANTE É SER FELIZ

Imagem
Seria muito bom se pudéssemos comprar a felicidade, no peso ou litro, supermecados, lojas de conveniência, farmácias etc. Infelizmentenão nem é mensurável, nem se pesa. Feliz de quem a sente, mas, cada um tem sua forma especial ao descrevê-la. Coitado de nós mortais, pois é efêmera. Igual a beleza da coesão do time que entra na corrente de vibração, fecha-se em busca do ápice....e GOL! Abraços! Folia! De repente tudo desata, passou e fica só na lembrança. É mutante! O amor de ontem, hoje já não sacia mais, ou ao contrário, o que era fogo de palha pegou fogo, viciou; os sentimentos, desejos, querem ser vivenciados de forma diferente, diariamente, porque o positivo torna-se negativo, e vice-versa; a felicidade do outro, pode não ter significado algum pra mim, porque a felicidades são necessidades difereciadas e intrísecas ao sujeito: acões, desejos, paladar, audição, enfim, os nossos sentidos são diferenciados e saciados de inúmeras formas diferentes, ela não está de fora para dentro, p…

21 de Abril

Imagem
Realmente a vida todo dia confirma o velho ditado, que as coisas boas da vida sempre estão ao redor dos grandes rios e que estes só navegam e descarregam sempre no mar. Tiradentes foi o símbolo da tentativa de uma independência que chegou tardiamente, e que deixou o nosso país sem "educação" por longos séculos. Infelizmente esse baluarte foi sacrificado apenas por ser o único pobre entre os rebelados, porque entre os ricos não se vêm mártires. Por isso é preciso estar sempre atento a vida e as coisas que fazem parte dela. Ao que está próximo de nós e também não ficar alheio ao que está distante porque de certa forma nos atinge indiretamente. Tudo o que está no mundo pertence aqueles que estão apenas de passagem por aqui, portanto, tente deixar sua estadia registrada, por menor que seja sua parcela, será uma grande contribuição para a VIDA. O mais importante é lembrar que da terra nada levamos, a não ser o que ingerimos, amamos, os momentos importantes que vivemos. Faça o bem,…

O SIGNIFICANTE DA SAUDADE

Imagem
Hoje fiquei pensando sobre a saudade, simbolizada por sentimentos controversos e complexos.Há momentos que vivemos uma intensa alegria quando navegamos nas recordações que apesar de longínquas, nos fazem tanto bem para pele, corpo e rejuvenesce nossa alma ao ponto de nos levitar ao ápice do prazer, porque revivemos com tanta intensidade, que a nossa adrenalina nos faz sentir fortes emoções, ao lembrar daquele delicioso visgo no olhar, o acelerar descompassado do coração, sorrisos que não querem se calar mesmo depois de tantos anos. A verdadeira saudade é aquela que nos faz reviver um frenesi ímpar, inusitado, inesquecível, vindo de um universo especialmente terno e calorosamente amoroso. As palavras são interpretadas de acordo com o contexto a que pertence. Ele é que vai definir o verdadeiro significado do significante, e para falar a verdade, o vocábulo saudade é atraente, bonito e que provoca curiosidade entre as pessoas sobre os fatos que desencadearam essa querência de reviver o p…