PAIXÃO CRÔNICA!...

A saudade foi tanta
Que me deixou abalada
Minha alma angustiada
Nem meu ser arrefeceu
Pois de febre ele ardeu
Enfim, tudo em mim doeu.
E eu não sei porquê
A nossa dor de amor
E os nossos sentimentos
Achamos que são únicos
São muito mais intensos.
Cremos que ninguém ama
Como nós amamos.
Que ninguém se entrega
Como nós nos doamos.
E essa paixão crônica
Que pela pele aflora
Mas por dentro devora
Pensando só em você.
Meus olhos só quer te ver
Meus braços te abraçar
Pois no mundo não existe
Nada que me faça mais feliz
Quando te vejo chegar!
by Maria de Deus Oliveira
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

TRABALHO DE PESQUISA EM PEDAGOGIA

MITOLOGIA GREGA: A HOMOSSEXUALIDADE

A IMPORTÂNCIA DAS ATIVIDADES LÚDICAS PARA CRIANÇAS DE 03 A 06 ANOS