quinta-feira, 29 de setembro de 2011

AO PROFESSOR PARDAL

  
Quando eu era criança   gostava de ler a revista em quadrinhos: "O Professor Pardal". O personagem tinha ideias mirabolantes e uma lâmpada aparecia acesa simbolizando o sucesso do seu invento. Eu tinha cá minhas idéias, e como não acendia luz nenhuma, eu ficava traumatizada por não ter ideias boas. Com o tempo fui aprendendo que essa luz não acende do lado de fora e sim do lado de dentro. São aprendizagens que vamos adquirindo e a partir da sua apreensão, vamos formando noções de comportamento, conhecimento cognitivo etc. A partir daí as pessoas que acendiam essas luzes dentro de mim, eu as   chamava e chamo de professor Pardal: meus pais, minha família, especialmente meu filho Marco Antônio Filho, amigos, a vida, alguns professores etc.  Quando ouço essa frase: "pessoa iluminada", imediatamente penso na minha infância e vejo como foi importante todo aprendizado, depois ler os sábios filósofos, os doutores, mestres e  principalmente as mensagens dos nossos amigos que além de atingirem o intelecto, tocam  o nosso coração, nos auxiliam a querer contentar as pessoas com as nossas palavras porque sentimos que há uma troca de energia!  Que queiramos ser sempre   esse,  "O Professor Pardal", não só para as crianças e os jovens, mas por todos aqueles que não alcançaram o seu momento de aprender a aprender, não importa a idade. Eleve a auto-estima e confiança, jamais ponha em dúvida na capacidade do assimilar de alguém só porque você sabe mais. Ensinar e aprender exige paciência, competência e ética. Não é igual ao talento que já se nasce com ele. Lembre-se que somos responsáveis uns pelos outros, dessa nova geração que está aí para que se não degenere. Somos caminheiros nessa vida e não faria sentido se não fosse em busca de conhecer alguma coisa, alcançar metas ou sonhos, pois o mundo se transforma todo dia. Então vá em frente Professor Pardal. Eu confio em Deus e em você! Abraços.
by Maria de Deus Oliveira 
Postar um comentário

www.alinhavandopalavras.blogspot.com

www.alinhavandopalavras.blogspot.com

Bem-Vindos!
Temas variados: trabalhos escolares orientados por mim e/ou assuntos que despertam a minha curiosidade, estudo e elaboro através de pesquisa. Trabalhos de outros pesquisadores. Em paralelo, a literatura, coisas que gosto de escrever, em diversos gêneros literários.

Nós os mais velhos somos os responsáveis por essa juventude que dominará no futuro nosso mundo, portanto, mãos a obra: Quem ama educa e nunca machuca!
Amar significa educar com liberdade vigiada até que o jovem possa dirigir sua vida com autonomia. É preciso aprender a valorizar o “SER”, porque as coisas se deterioram e a essência transcende. Infelizmente a vida é um enigma e nada podemos afirmar, porque se não houver vida após morte, morremos e nem saberemos quando isso acontecer, entretanto não custa nada ser bom, honesto, preservar a natureza para os nossos herdeiros, pois eles merecem viver num universo saudável como viveram nossos ancestrais.
Vivamos diariamente não como se fosse o último dia, mas com a alegria de poder viver mais um dia e conviver com as pessoas que amamos, oxigenar o corpo, ver a beleza que nos rodeia dia e noite e principalmente saborear momentos inéditos.
A vida não teria prazer se não houvesse sonhos, fantasias, crença na utopia, partilhar amor, amizade e o conhecimento que nos permite criar e apreender.
Venha participar deste espaço virtual, não como uma estrela cadente, mas como uma estrela ascendente que deseja pertencer a uma brilhante constelação de amizade e saberes que nos edifica como ser humano. Bem-vindo(a) a minha tela eclética em cultura, e você é quem decide o que deseja nos presentear.
Um abraço!
Maria de Deus Oliveira de Siqueira Alves.
http://www.ecleticoemcultura.blogspot.com/


Todas as ilustrações, exceto fotos de amigos e da minha família, (aliás, uma grande família) foram retirados do http://www.google.com.br/, pesquisa de imagens mais completa da web.

Respeite os Direitos Autorais

É preciso uma porção de amor em tudo que se produz!