OUÇA - SAIBA OUVIR


MARIA DE DEUS OLIVEIRA
    O ato de ouvir é algo fascinante para quem ouve – aprendemos alguma novidade, coisas, mesmo com quem não tem nenhum grau de estudo - e gratificante para quem é ouvido, mas infelizmente nos esquecemos disto com frequência. Ouvimos muito pouco nossos filhos, amigos, alunos, pais, amores etc., principalmente as pessoas com as quais convivemos diariamente. Somos fluentes ao falar, mas na hora de colocar as orelhas para funcionar, devaneamos, não prestamos atenção, abanamos simplesmente um não, ou pior, fazemos “ouvido de mercador”. É bom saber para quem não conhece, é leigo no assunto,  que a gagueira é causada pelos próprios pais que utilizam aquela obsoleta frase: “Cala a boca menino”! A continuada intercepção da fala da criança vai entrecortando a voz e esta  perde a espontaneidade, assumindo uma atípica timidez no final desta repressão. É um despautério de relaxamento que prejudica o desenvolvimento do pequeno falante e tragicamente resulta numa voz gaga!  Olha a responsabilidade gente, não seja inconsequente, seja solidário, amigo, condescendente e faça feliz quem quer expor seus pensamentos, seus desejos, precisa de apoio e partilhar suas emoções!                                                                                      É possível que seu navegador não suporte a exibição desta imagem.Saber ouvir é mais que uma arte, é interagir com o pensamento de alguém e todos nós merecemos ser ouvidos mesmo que sejamos muito desafinados e só o amor pode afinar qualquer instrumento num passo de mágica e como recompensa  terá sempre maravilhosos dias, finais de semana, fazendo dueto, trio, quarteto enfim, harmonize o seu compasso, pois embora tenhamos todo mundo ritmos diferentes, quando na dança um guia e o outro acompanha é um show à parte e assim parece um só corpo flutuando. Então, radar antenado para captar e interpretar o som do amor, contidas nas palavras de quem ouvimos. Mantenha atenção e as almas  que releva e comungam essa atenção irá se deliciar em aplaudir todos os atores dessa obra maravilhosa chamada vida inteligente que pensa, reproduz os pensamentos através da sonoridade e mantêm diálogo construtivo de aprendizagem, porque uma peça só faz  sucesso quando tem uma sedutora  anjinho e um seduzido bandido, ou vice-versa, senão vira monótono! Ai! Desculpa um monólogo! Pode ser o melhor ator do mundo, mas é um saco, ou seja, ovário ...sei lá!  Depende de ouve, portanto, partilhe e apóie o que for devidamente correto, ensine o que é preciso corrigir. Quem discursa agradece ao ouvidor que ao escutar e partilhar de suas dúvidas, complexos, torna sua vida alegre e harmoniosa. Seja tolerante e nem um pouquinho mesquinho na generosidade de saber ouvir sempre.


3 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TRABALHO DE PESQUISA EM PEDAGOGIA

A IMPORTÂNCIA DAS ATIVIDADES LÚDICAS PARA CRIANÇAS DE 03 A 06 ANOS

MITOLOGIA GREGA: A HOMOSSEXUALIDADE