segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Para os meus amigos da NET e do ORKUT...





Autor: Maria de Deus Oliveira

Todo dia agradeço a Deus por ter-me dado todos os meus sentidos e eu poder sentir o cheiro da sua alma perfumada, ler, escrever para vocês, meus amigos virtuais. Uma amizade que se fortalece pela presença diária no meu correio e que me deixa alegre e feliz com tantos ensejos de felicidade e alegria. Cada dia os novos contatos surgem e a amizade espalha-se pelo ar através da internet, que aproxima as pessoas e fortalece os laços de afeto entre os amigos reais e torna a amizade virtual cada vez mais direcionada para o plano real. A confiança se estabelece a cada mensagem, recado e outras formas de comunicação.
Na beleza lida nas palavras e mensagens que trocamos, ouço o som da musicalidade da amizade. Fico impressionada com o talento das pessoas que escrevem essas mensagens. Cada dia uma mais bela do que a outra e que atinge em cheio o nosso coração, nossas emoções, nossos sentimentos e nos deixa mais leve, mais consciente do que queremos. Aconselham-nos, mostram trilhas a seguir, espelhos de vida que nos leva a uma grande reflexão, são verdadeiros conselheiros, quando não, elevam a nossa estima e astral.
Outras são verdadeiras orações a Deus, a natureza, a amizade, ao amor e acompanhadas por recadinhos pessoais ou eletrônicos, que ensejam sempre o meu bem estar e o que pode haver de melhor nesse mundo para a minha vida. Agradeço por sempre ser lembrada e tenho a consciência que sou querida por essas pessoas e por elas também tenho um grande sentimento fraternal e como diz a canção: "amigo é para se guardar debaixo de sete chaves". Uma grande verdade. As amizades devem ser protegidas de todos os males, porque amigo de verdade mesmo, é aquele que é não preciso estar preso a nós por algemas, grilhões, presença, nada, porque você amigo, é aquela pessoa que faz muitas às vezes o papel de pai, outras vezes de mãe, muitas vez de filho, na maioria das vezes de um grande irmão, que nos dá o ombro para chorar as dores de um grande amor ou de uma mágoa sentida, e finalmente faz papel de namorado, nos segura pela mão e nos levanta, para nos mostrar quê, está ali para o que der e vier e que somos importantes sim, pelo menos para ele, então nos sentimos fortes novamente. Decepção não mata, ao contrário, nos fortalece pelo aprendizado. Por essas e outras coisas mais, só o fato de saber que você existe amigo, eu fico muito feliz.
Que Deus abençoe a todos nós, pais, mães, filhos, irmãos, amores, namorados, noivos, enfim todas as pessoas, e duplamente aquelas que são pessoas amigas que sempre estão dispostos para nos abrigar. O que lhe desejo é: fé, alegria, felicidades, saúde, saúde e muita saúde, porque sem ela não somos nada. Desejo ainda mais, muito mais, um montão de amizades para você.
Segue aqui uma reflexão que sempre faço comigo mesmo: Pense que sempre há uma saída. Quando Deus nos fecha uma porta é para nos motivar, nos tirar da monotonia, da rotina, renovar nosso ser, porque viver de verdade exige sonhos, luta e esperança. Então quando iniciamos a jornada, as janelas começam a abrir-se, uma por uma, para um novo sol iluminar a nossa vida e renascermos para um novo tempo.
Beijo no seu coração iluminado.
Obrigada por sua amizade.

Livro: Alinhavando palavras - Sem pé, nem cabeça. I VOLUME
Postar um comentário

www.alinhavandopalavras.blogspot.com

Arquivos do blog

www.alinhavandopalavras.blogspot.com

Bem-Vindos!
Temas variados: trabalhos escolares orientados por mim e/ou assuntos que despertam a minha curiosidade, estudo e elaboro através de pesquisa. Trabalhos de outros pesquisadores. Em paralelo, a literatura, coisas que gosto de escrever, em diversos gêneros literários.

Nós os mais velhos somos os responsáveis por essa juventude que dominará no futuro nosso mundo, portanto, mãos a obra: Quem ama educa e nunca machuca!
Amar significa educar com liberdade vigiada até que o jovem possa dirigir sua vida com autonomia. É preciso aprender a valorizar o “SER”, porque as coisas se deterioram e a essência transcende. Infelizmente a vida é um enigma e nada podemos afirmar, porque se não houver vida após morte, morremos e nem saberemos quando isso acontecer, entretanto não custa nada ser bom, honesto, preservar a natureza para os nossos herdeiros, pois eles merecem viver num universo saudável como viveram nossos ancestrais.
Vivamos diariamente não como se fosse o último dia, mas com a alegria de poder viver mais um dia e conviver com as pessoas que amamos, oxigenar o corpo, ver a beleza que nos rodeia dia e noite e principalmente saborear momentos inéditos.
A vida não teria prazer se não houvesse sonhos, fantasias, crença na utopia, partilhar amor, amizade e o conhecimento que nos permite criar e apreender.
Venha participar deste espaço virtual, não como uma estrela cadente, mas como uma estrela ascendente que deseja pertencer a uma brilhante constelação de amizade e saberes que nos edifica como ser humano. Bem-vindo(a) a minha tela eclética em cultura, e você é quem decide o que deseja nos presentear.
Um abraço!
Maria de Deus Oliveira de Siqueira Alves.
http://www.ecleticoemcultura.blogspot.com/


Todas as ilustrações, exceto fotos de amigos e da minha família, (aliás, uma grande família) foram retirados do http://www.google.com.br/, pesquisa de imagens mais completa da web.

Respeite os Direitos Autorais

É preciso uma porção de amor em tudo que se produz!